Decupagem Iole de Freitas

Exposição de artista brasileira ocupa o 2º andar da Casa

em 08/11/2019

A mostra gratuita Decupagem Iole de Freitas, em cartaz na Casa Firjan até 8 de março, focaliza momentos diversos da produção da artista contemporânea, desde os anos 1970 até a atualidade, acompanhando o desdobramento de questões que lidam com corpos e espaços. A curadoria é de João Bandeira.

“Arte para mim é invenção e poesia. É por isso que a exposição Decupagem apresenta desenhos, obras, registros fotográficos e documentos que marcaram o processo inventivo, de pensamento e de inovação do meu processo artístico ao longo de 45 anos”, comenta.

Tecido de plástico, espuma, inox, papel e fios de cobre são apenas alguns dos materiais utilizados pela artista que cedeu boa parte de suas realizações para o Instituto de Arte Contemporânea (IAC) de São Paulo. “Poder levar o meu trabalho para a Casa Firjan, esse espaço que abre as portas para o público e que apresenta alta qualidade de manutenção e preservação das características arquitetônicas é uma grande satisfação”, complementa.

A Exposição Decupagem, que ficará aberta ao público até março de 2020, também reforça os pilares da Casa Firjan, inovação e nova economia. “A mostra é um convite para viajarmos pelo processo criativo da artista, que inspira e nos leva a refletir pelos caminhos da arte e da inovação”, afirma Isabella Rosado Nunes, assessora de projetos especiais da Casa Firjan.

A exposição integra o Programa Casa Aberta, que tem como objetivo convidar novos públicos e, por meio da arte e da cultura, informar e provocar reflexões.

Iole de Freitas, por Claudio Carpi

Sobre a artista
Considerada uma das artistas contemporâneas mais expressivas do Brasil, Iole de Freitas tem na bagagem a participação em mostras internacionais, como 9ª Bienal de Paris, 15ª Bienal de São Paulo, 5ª Bienal do Mercosul e Documenta 12, em Kassel, Alemanha. Sejam eles individuais ou coletivos, seus trabalhos integram importantes coleções, entre eles o Museu de Arte Contemporânea (MAC) e o Museu de Arte Moderna (MAM) de São Paulo; Museu de Arte Contemporânea de Niterói; Museu de Belas Artes, RJ; Museu do Açude, RJ; Museu de Arte Moderna (MAM) do Rio de Janeiro; Museu de Arte do Rio (MAR); Bronx Museum (EUA); Winnipeg Art Gallery (Canadá); e Daros Foundation (Suíça). Boa parte de suas obras também podem ser prestigiadas no Instituto de Arte Contemporânea de São Paulo (IAC), iniciativa dedicada à preservação da memória de artistas brasileiros. Além dela só mais seis artistas ganharam essa atenção, todos homens. “Sou a única viva que está, produzindo”, finaliza. 

Serviço:
Exposição Decupagem Iole de Freitas
De 16 de novembro a 8 de março
Inauguração e visita guiada:  Sábado, 16 de novembro, às 13h
Horários: Terça a sábado, das 10h às 20h | Domingos e feriados, das 12h às 18h
Entrada gratuita

Em destaque
Exposições e Mostras Educar para Transformar

Experimentação marca exposição em cartaz até março na Casa Firjan

em 02/01/2020

Exposições e Mostras Data Corpus – A vida decodificada

Exposição fez parte do segundo ciclo temático da Casa Firjan

em 20/10/2019

Exposições e Mostras Transformação

História da indústria foi contada na exposição de estreia da Casa Firjan

em 20/12/2018