Da Pandemia para a Utopia 3: Rio, a cidade utópica

O que se espera para a cidade maravilhosa em 2040? Assista ao debate idealizado por José Luiz Alquéres

em 02/07/2020

A terceira reflexão da série Da Pandemia para a Utopia, idealizada por José Luiz Alquéres, abordou os desafios urbanísticos do Rio de Janeiro.

O que se espera para a cidade maravilhosa em 2040? O encontro debateu a importância do rearranjo físico-institucional da cidade; uma estratégia habitacional para o Rio como cidade funcional, sustentável e bela; além da viabilidade de transformá-lo no município de maior IDH do Brasil, nos próximos 20 anos.

Realização: Firjan, Cebri, Comerc Energia e Megawhat.

Abertura:

Eduardo Eugenio Gouvêa Vieira
Presidente da Firjan

Anfitrião:

José Luiz Alquéres
Engenheiro, empresário, editor, ex-Presidente e conselheiro das maiores empresas de infraestrutura do país, da Associação Comercial, Membro Honorário do Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro, Conselheiro da Casa Firjan, do CEBRI e da Comerc.

Convidados:

Washington Fajardo
Formado em arquitetura e urbanismo pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). É Loeb Fellow pela Harvard University Graduate School of Design (GSD) e Visiting Researcher pelo Rockefeller Center for Latin American Studies, pesquisando políticas e soluções habitacionais. É sócio proprietário na Desenho Brasileiro Arquitetura e Design. Foi presidente do Instituto Rio Patrimônio da Humanidade e do Conselho Municipal de Proteção ao Patrimônio Cultural. 

Miguel Pinto Guimarães
Arquiteto e urbanista formado pela UFRJ. Aos 18 anos, abriu seu primeiro escritório, junto com Thiago Bernardes. Em 2003, Miguel deixa a sociedade e inaugura seu novo studio, o Miguel Pinto Guimarães Arquitetos Associados (MPGAA). Desde então é autor de quase mil projetos em todas as regiões do Brasil e no exterior. Seu trabalho abrange diversas áreas da arquitetura, desde casas e edifícios residenciais a hotéis, escolas, restaurantes, e projetos urbanos em diferentes escalas. Recentemente, a sustentabilidade e o diálogo com o ambiente natural tem sido a principal característica dos seus projetos.  

Sérgio Magalhães
Arquiteto e doutor em urbanismo (UFRJ/FAU-Prourb), é professor do Programa de Pós-Graduação em Urbanismo da FAU/UFRJ. Foi secretário municipal de Habitação do Rio de Janeiro (1993-2000) e secretário de Estado de Projetos Especiais do Rio de Janeiro (2001-2002). Recebeu o Prêmio FAD-2012, em Barcelona, pelo Programa Favela-Bairro e o Prêmio América de Arquitetura, em 2013, em Bogotá. Foi presidente do Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB) e é presidente do Comitê Executivo do 27º Congresso Mundial de Arquitetos UIA 2021RIO.  

Moderação:

Cristiane Alves
Engenheira de produção pela Universidade Federal Fluminense (UFF), mestre em administração de empresas pela PUC-Rio, especialização em administração na Insead e em gestão empreendedora na UFF. Gerente Geral de Desenvolvimento e Inovação Empresarial na Firjan.

Tópicos:
  • Covid-19
  • Coronavírus
  • Rio de Janeiro
  • Futuro
Em destaque
Ambientes de Inovação Edital de Energia, Smart Cities e Combate à COVID-19 - Shell Iniciativa Jovem

Tire suas dúvidas sobre o edital que vai acelerar 12 empresas com soluções aplicáveis ao setor de energia, cidades inteligentes e tecnologia contra a Covid-19

em 07/08/2020

Ambientes de Inovação Criatividade X coronavírus

Conheça novos modelos de negócios e produtos criados em meio à pandemia

em 28/07/2020

Ambientes de Inovação Da Pandemia para a Utopia 4: Panorama empresarial

Encerramento da série de encontros online debateu a empresa do futuro pós-pandemia

em 09/07/2020